sábado, 13 de julho de 2013

Cursos de Verão: City School – Training Centre

Limite de Inscrições - Cursos de Verão Agosto 2013




Vimos por este meio informar que terminam, no próximo dia 20/07, as inscrições para os seguintes Cursos de Verão:

Língua
Nível
Duração
Horário
Cronograma
Vagas Disponíveis
Holandês
Inicial
40h
2ª a 6ª das 19 às 22
1 a 19 de Agosto
4
Português para estrangeiros
A1
50 h
2ª a 6ª das 15 às 18
1 a 23 de Agosto
4
Árabe
Inicial
40h
2ª a 6ª das 19 às 22
1 a 19 de Agosto
3
Inglês Conversação
Intermédio 

30h
2ª a 6ª das 19 às 22
1 a 14 de Agosto
4
Inglês
Inicial
40h
2ª a 6ª das 10 às 13
1 a 19 de Agosto
3
Francês
Inicial
40h
2ª a 6ª das 15 às 18
1 a 19 de Agosto

Japonês
A2.1 iniciação
50h
2ª a 6ª das 19 às 22
19 de Agosto a 9 de Setembro
3
Espanhol
Inicial
30h
2ª a 6ª das 19 às 22
19 a 30 de Agosto
3
Francês
Inicial
30h
2ª a 6ª das 19 às 22
19 a 30 de Agosto
3
Inglês
Conversação
Intermédio
30h
2ª a 6ª das 19 às 22
19 a 30 de Agosto
4
Italiano
Inicial
40h
2ª a 6ª das 10 às 13
1 a 19 de Agosto
4
Alemão
Inicial
40h
2ª a 6ª das 19 às 22
19 Agosto a 4 de Setembro
3
Atendimento ao cliente e gestão da reclamação

20h
2ª a 6ª das 9 às 13
26 a 30 de Agosto
4
Gestão de tempo e de stress

20h
2ª a 6ª das 9 às 13
26 a 30 de Agosto
6
Liderança e gestão de equipas de trabalho

20h
2ª a 6ª das 9 às 13
26 a 30 de Agosto
4


Caso não tenha disponibilidade para se dirigir à City School em tempo útil, solicite a ficha de inscrição e dados bacários para proceder à sua inscrição via online.

Ao dispor para esclarecimentos adicionais.



City School – Training Centre

tel: (+351) 220 15 16 17

Rua Domingos Sequeira 234
4050-230 Porto
 

Teoria e debate

Democracia sem partidos”: sonho ou pesadelo?


img_1

Os partidos políticos aparecem nas pesquisas de opinião como um dos campeões em matéria de desconfiança pública: dois terços da população não confiam neles.
Não faz sentido pensar os partidos como os únicos e legítimos representantes do interesse público, principalmente num país de fraca cultura partidária. Mas ao que parece eles ainda são necessários e podem ser úteis para o Brasil, desde que o povo deles se aproprie, fazendo convergir a “vida das ruas” com a das instituições políticas nacionais.


10 de julho | Marcelo Sevaybricker Moreira


Canções de Oza Ventura invadem o Teatro do Paiol





O talento de um artista curitibano marca a programação do Teatro do Paiol, às 19h deste domingo (14), com o espetáculo Oza Ventura e suas canções. O repertório do músico e compositor revela obras que equilibram alegria e tristeza, sonho e desilusão, demonstrando que a música é uma linguagem compreendida por todos.

Envolvido com a música desde muito cedo, aprendeu a tocar violão ainda criança, observando outros instrumentistas. De forma autodidata, aperfeiçoou acordes e harmonias, dedicando-se à MPB. Desde os 23 anos de idade acumula apresentações pelo Paraná e Santa Catarina. As composições próprias e em parceria com outros autores já renderam quatro CDs independentes e um DVD.

O primeiro CD, Eco Silente, lançado em 2000, reuniu composições próprias e participações de outros músicos. Em 2006, gravou o CD Tudo morre, tudo vinga, somente com canções próprias. Na sequência, em 2008, veio o CD Feito em casa, apresentando dez canções de sua autoria e duas releituras de músicos já conhecidos. O quarto disco, Oza Ventura e outras relíquias, surgiu em 2010, também com obras suas e de outros compositores. No mesmo ano, o artista gravou o primeiro DVD, batizado de Coisa Rara.



Serviço:

Show de MPB Oza Ventura e suas canções

Data e horário: dia 14 de julho de 2013 (domingo), às 19h.

Local: Teatro do Paiol (Praça Guido Viaro, s/n – Prado Velho).

Ingressos: R$ 15 e R$ 7,50 (meia-entrada).

Classificação etária: livre

Valdemir Cunha - workshop - Olhar viajante

Workshop Valdemir Cunha - Omicron Escola de Fotografia

A fotografia pode ser o melhor guia de viagem, nos ajudando a conhecer países, pessoas, costumes e tudo que pode ser fotografado. A partir da educação do olhar e de dicas de como melhorar sua fotografia, aprenda a aproveitar melhor seu tempo e fazer da viagem uma experiência mais intensa. Durante o workshop, os alunos farão uma viagem à cidade da Lapa para fotografar junto com Valdemir.
Saiba mais [+]

QUANDO?  29 agosto a 01 setembro
CARGA HORÁRIA  22 horas/aula

  Omicron Escola de Fotografia 

Rua Pe. Germano Mayer, 2200 Curitiba
41 3252-1093 | omicronfotografia.com.br

quarta-feira, 10 de julho de 2013

A Era de T.S. Eliot A Imaginação Moral do Século XX de Russel Kirk



A Era de T.S. Eliot

A Imaginação Moral do Século XX


de Russel Kirk



Edição 01
Formato: 16 X 23 cm
Nº de Páginas: 656
Acabamento: Brochura



Embora muito tenha sido escrito a respeito de T. S. Eliot (1888-1965), A Era de T. S. Eliot, desde que foi publicado pela primeira vez, em 1971, continua a ser a melhor introdução à vida, às ideias e às obras literárias do poeta. É o ponto de partida fundamental para quem desejar compreender as intenções de Eliot. A clara percepção de Russell Kirk (1918-1994) dos escritos de Eliot é enriquecida com uma leitura abrangente dos autores que mais influenciaram o poeta, bem como por experiências e convicções similares.

Kirk segue o curso das ideias políticas e culturais de Eliot até as verdadeiras fontes, mostrando o equilíbrio e a sutileza dos pontos de vista eliotianos. A Era de T. S. Eliot é uma biografia literária que continuará viva quando muitos dos recentes escritos sobre Eliot já estiverem juntando poeira nas estantes.


QUEM FOI T S ELIOT
T. S. Eliot (1888-1965) foi um poeta, crítico e dramaturgo norte-americano naturalizado inglês. Considerado um dos principais nomes da poesia moderna de língua inglesa.

Seu nome completo é Thomas Stearns Eliot. Em 1915, desencantado com a vida cultural dos EUA, muda-se para Londres, onde trabalha no Lloyds Bank durante sete anos. Em 1917 publica A Canção de Amor de John Alfred Prufrock, de influência simbolista. Seus ensaios em The Sacred Wood (1920) iniciam uma revolução nos critérios da análise literária. O sucesso e o reconhecimento internacional chegam com o lançamento de A Terra Devastada (1922), sua obra-prima.

É uma longa descrição poética da Europa desolada do pós-guerra e uma síntese dos grandes momentos da civilização ocidental. Além dos simbolistas franceses, o escritor italiano Dante Alighieri influencia sua obra, que explora os mecanismos da consciência contemporânea. Em 1927, naturaliza-se inglês e converte-se ao anglicanismo.

Recebe o Prêmio Nobel de Literatura em 1948, pelo livro Four Quartets (1943). Escreve as peças Murder in the Cathedral (1935), The Family Reunion (1939) e The Elder Statestman (1958), entre outras.


O PENSAMENTO DE T S ELIOT


"Infelizmente há momentos em que a violência é a única maneira de assegurar a justiça social." Fonte - Morte na Catedral Tema - Justiça

"A tradição não é dada por direito de herança, e, se a quiser, é preciso muito trabalho para a obter." Fonte - Tradição e Talento Individual Tema - Trabalho

"O homem que age não sofre." Tema - Acção

"Apenas se constrói com solidez sobre o passado." Tema - Passado

"O único modo de exprimir uma emoção de forma artística é encontrando um 'correlativo objectivo'; por outras palavras, uma série de objectos, uma situação, uma cadeia de acontecimentos que representem a fórmula daquela emoção particular." Fonte - Tradição e Talento Individual Tema - Arte

"É assim que o mundo termina,
não com um estrondo, mas com uma choradeira." Fonte - The Hollow Men Tema - Mundo

"A poesia não é um modo de libertar a emoção, mas uma fuga da emoção; não é uma expressão da própria personalidade, mas uma fuga da personalidade." Fonte - Tradição e Talento Individual Tema - Poesia

"O sucesso é relativo: é aquilo que quisermos fazer da confusão que fizemos das coisas." Tema - Sucesso

"A única sabedoria que uma pessoa pode esperar adquirir é a sabedoria da humildade." Tema - Humildade

"A raça humana
Não pode suportar muita realidade." Fonte - Norton Quadrado Tema - Realidade

A Era de T.S. Eliot : Palestra de Alex Catharino


Lançamento do livro A Era de T.S. Eliot : A Imaginação Moral do Século XX , de Russell Kirk [Tradução de Márcia Xavier de Brito]
- Palestra com Annette Kirk e Alex Catharino no Espaço Cultural É Realizações



Arena - T.S. Eliot - Part 1 (BBC)







UM LANÇAMENTO
Editora É Realizações








Diário Íntimo de Henri-Frédéric Amiel




Diário Íntimo

de Henri-Frédéric Amiel


Tradução: Mário Ferreira dos Santos

Formato: 16 x 23 cm
Número de Páginas: 592
Acabamento: Brochura


“Das minhas quatorze mil páginas de Diário, que se salvem quinhentas, é muito, é talvez demais.” Assim Amiel descreve sua própria obra em 1876, sem saber que tal empreitada traria o enorme renome que, dois ou três anos depois de sua morte, lhe seria atribuído a partir das primeiras edições publicadas na forma de dois pequenos volumes.

O QUE PENSAVA 
Henri-Frédéric Amiel

 "O homem está sempre mais descontente com os outros quando se acha menos contente consigo próprio." Tema - Satisfação

"Fazer o bem é o mais suave prazer que se pode experimentar." Tema - Bondade

"Quando o meu amigo está infeliz, vou ao seu encontro; quando está feliz, espero por ele." Tema - Amizade

"O dever é a necessidade voluntária, a carta de nobreza de um homem." Tema - Dever

"Um erro é tanto mais perigoso quanto mais verdade contém." Tema - Erro

"Vê duas vezes para veres com exactidão; vê apenas uma vez para veres com beleza." Tema - Lucidez

"Há dois graus no orgulho: um, em que nos aprovamos a nós próprios, o outro, em que não podemos aceitar-nos. Este provavelmente o mais requintado." Tema - Orgulho

"A inconstância deita tudo a perder, na medida em que não deixa germinar nenhuma semente." Tema - Perseverança

"A divagação é o domingo do pensamento." Tema - Sonho

"Teria sonhado todas as vidas para me consolar de não haver vivido nenhuma." Tema - Sonho


O QUE FALARAM SOBRE A OBRA DE
Henri-Frédéric Amiel

“Tudo o que Amiel publicou e a que deu acabamento final – palestras, ensaios, poemas – está morto; mas seu Diário, onde, sem pensar na forma, falava apenas a si mesmo, está cheio de vida, sabedoria, instrução, consolo, e continuará entre os melhores livros que já nos foram legados, acidentalmente, por homens como Marco Aurélio, Pascal e Epicteto.”
Liev Tolstói, Introdução à edição russa do Diário de Amiel

“O diário de Amiel doeu-me sempre por minha causa. Quando cheguei àquele ponto em que ele diz que sobre ele desceu o fruto do espírito como sendo ‘a consciência da consciência’, senti uma referência direta à minha alma.”
Fernando Pessoa, Livro do Desassossego

“O seu meio genuíno de expressão era a prosa do seu diário.”
Otto Maria Carpea ux, História da Literatura Ocidental

“O exemplo clássico de diário íntimo nos oferece H. F. Amiel (...): o seu Journal Intime (...) estende-se por um vasto manuscrito, (...) encerrando minudente e dolorosa introspecção no âmago do eu, retrato de uma alma hipersensível, romântica, a debater-se entre a clarividência das próprias limitações e o anseio idealista de impossíveis realizações.”
Massaud Moisés, Dicionário de Termos Literários

   

Veja aqui algumas páginas




QUEM FOI
Henri-Frédéric Amiel


Professor de Estética e de Filosofia em Genebra, foi um poeta e crítico literário perceptivo, mas sua reputação repousa sobre este Diário Íntimo, uma peça que se tornou referência para uma série de escritores, inclusive alguns brasileiros.



Filósofo e crítico suíço-francês, Henri Frédéric Amiel nasceu a 27 de setembro de 1821, na cidade de Genebra. Oriundo de uma família de huguenotes franceses refugiados na Suíça, era filho de um comerciante.

Perdeu ambos os progenitores bastante cedo. Quando contava apenas onze anos de idade, faleceu-lhe a mãe, vítima de tuberculose. Sucumbindo ao desgosto, o pai acabou por se suicidar, pelo que o jovem Henri foi confiado aos cuidados de um tio paterno.

Após ter sido aceite pela Universidade de Genebra para iniciar os estudos propedêuticos aos dezasseis anos de idade, acabou por se licenciar em 1941. Nesse mesmo ano, decidiu empreender uma viagem, pelo que deambulou durante sete meses por recantos europeus como Napóles, Roma, Malta, Livorno, Florença e Bolonha.

Regressou então a Genebra, mas o seu espírito irrequieto fê-lo de novo viajar, desta feita passando pela França, pela Bélgica e pela Alemanha. Matriculou-se no curso de Filosofia da Universidade de Berlim em 1844, realçando também as riquezas da Filologia, da História, da Antropologia, da Psicologia, da Estética e da Teologia.

Nos finais de 1848 apresentou uma tese de doutoramento à Universidade de Genebra, consagrada aos movimentos literários da Suíça francófona, o que lhe valeu, no ano seguinte, a nomeação de professor catedrático de Estética e Literatura pela mesma instituição. Passou depois a lecionar Filosofia, cadeira pela qual nutria o mais firme entusiasmo, embora tivesse mantido durante toda a sua vida a convicção de ser um professor medíocre e enfadonho.

Alimentando no entanto grandes aspirações literárias, publicou vários estudos, como L'Academie de Genève (1859), Madame de Staël (1876) e Caractéristique Gènèrale de Rousseau (1879), algumas obras poéticas, como Grains de Mil (1854), Il Penseroso (1858) La Part Du Rêve (1863) e Jour à Jour (1880). Não obstante, é relembrado apenas através das reflexões contidas no seu diário, Journal Intime, publicado postumamente em fragmentos a partir de 1886.

Henri Frédéric Amiel faleceu a 9 de março de 1881, em Genebra.


Extracts from Personal Journal (Audio Book) - Henri-Frédéric Amiel





Library of the World's Best Literature, Ancient and Modern volume 1



UM LANÇAMENTO
Editora É Realizações







PAPO DE FOTOGRAFIA NA CAIXA CULTURAL CURITIBA








Fotógrafo Christian Cravo, que está em cartaz com a mostra “Nos Jardins do Éden”, fala sobre sua vida e sua obra





A CAIXA Cultural Curitiba apresenta, no dia 17 de julho, palestra do fotógrafo Christian Cravo, cuja exposição fotográfica “Nos Jardins do Éden” está em cartaz na galeria da CAIXA Cultural. O fotógrafo vai falar sobre o trabalho apresentado na mostra, sua experiência artística no Haiti e quais foram os métodos de escolha dos temas, sendo que o projeto aborda a cultura do povo haitiano revelando a inseparável relação entre os indivíduos e os rituais místicos do país. Além disso, Cravo vai abordar sua mais nova produção fotográfica, que está sendo realizada na África. A entrada é franca e os ingressos devem ser retirados na bilheteria do teatro a partir das 19h.



Nos Jardins do Éden:

A exposição conta com 49 fotos em preto e branco, produzidas ao longo de mais de 20 viagens do fotógrafo ao Haiti, desde 2001. Nesse trabalho, Cravo procura investigar os rituais dos peregrinos do vodu, religião oficial do país, passando por locais como a Grota de São Francisco de Assis, uma cova histórica na qual são feitas as oferendas, e as cachoeiras de Sodo, ao norte do que agora são as ruínas da cidade de Porto Príncipe. Além das fotografias, o público pode conferir a projeção “Testemunho do Silêncio”, sobre o terremoto devastador que assolou o Haiti em 2010, e que representa um total estado de destruição em contraponto às fotos, que registram a grande fé e religiosidade do povo haitiano.



Christian Cravo:

Nascido em 1974, Christian cresceu em Salvador. Aos sete anos, seguiu com a mãe para a Dinamarca e, durante os anos seguintes, viveu um intercâmbio constante entre o seu país de origem e sua nova casa. Aos 17 anos, voltou para o Brasil e viajou pelo sertão nordestino, em um processo de imersão que o fez descobrir a fotografia como veículo para conhecer o mundo.



Christian já recebeu prêmios do Museu de Arte Moderna da Bahia, do Mother Jones International Fund for Documentary Photography, uma bolsa de estudos da fundação Vitae e a bolsa de estudos da Fundação John Simon Guggenheim para sua pesquisa sobre o nordeste brasileiro. Foi nomeado para o prêmio Paul Huff (Holanda 2007) e indicado para o Prix Pictet (Reino Unido/Suíça 2008), a mais importante premiação voltada para temas sobre sustentabilidade na fotografia, sendo o único fotógrafo sul americano a participar. Publicou “Irredentos” (2000), retratando a vida e a fé no sertão brasileiro, “Roma noire, ville métisse” (2005), sobre a cultura negra no estado da Bahia, e “Nos Jardins do Éden” (2010). Seu último projeto editorial, “Exú Iluminado”, é a retrospectiva sobre o seu avô, o escultor Mário Cravo Júnior.



Informações e entrevistas:

Rodrigo Browne – (41) 9145-7027



Serviço:

Palestra com Christian Cravo

Local: CAIXA Cultural Curitiba – Rua Conselheiro Laurindo, 280 – Curitiba (PR)

Data: 17 de julho de 2013 (quarta-feira)

Hora: 20h

Ingressos: Entrada franca. Os ingressos devem ser retirados na bilheteria do teatro a partir das 19h

Classificação etária: Livre para todos os públicos

Capacidade: 125 lugares (2 para cadeirantes)

CAIXA CULTURAL CURITIBA E OTTO NO MUNDO DA LUA




Cantor e compositor lança seu álbum “The Moon 1111” em quatro apresentações e promove um bate-papo sobre o movimento manguebeat





A CAIXA Cultural Curitiba apresenta, de 19 a 21 de julho (sexta-feira a domingo), o show “The Moon 1111”, do cantor e compositor Otto, que fará o lançando do álbum homônimo, o quinto dele, que foi inspirado no cinema francês, especificamente em Guy Montag, personagem de "Farenheit 451" (1966), filme de François Truffaut. Serão quatro apresentações, além de um bate-papo com o cantor, sobre o movimento “manguebeat”, no domingo, às 17h.



“É um disco futurista, espacial”, explica o compositor. Sonoramente, com muita referência do Pink Floyd, especialmente o clássico “The Dark Side of the Moon”; e do nigeriano Fela Kuti, criador do afrobeat. Mas mesmo com algumas influências estrangeiras, o disco transborda brasilidade.



No álbum, Otto homenageia o trio Mutantes em “Dia Claro”, fala sobre o legendário estúdio Apple em “Miss Apple e Zé Pilantra”, esbanja senso de humor em “Ela Falava” e “Exu Parade”, e procura desmistificar o sexo, tornando-o mais divertido em “DP”. Entre as dez faixas de “The Moon 1111”, está a inspirada versão para “A Noite Mais Linda do Mundo”, de Donizette e Marcelo, cantada por Odair José. Otto sempre bebeu no cancioneiro popular e recriou alguns de seus clássicos em arranjos contemporâneos



O 1111 do título é uma referência ao número que Otto vê sem parar, e que abre muitos portais, segundo algumas correntes místicas. O título vem a calhar; a cada audição é possível ir abrindo os portais da cabeça de Otto e percebendo suas nuances, sua belezas escondidas, seus segredos e muito mais.



Otto:

Otto Maximiliano Pereira de Cordeiro Ferreira é um dos mais inventivos e inovadores músicos brasileiros da atualidade. Natural de Belo Jardim, no agreste pernambucano, depois de uma passagem de dois anos pela França, onde tocou com músicos do gabarito do trombonista Raul de Souza, ele participou da primeira formação das bandas Nação Zumbi e Mundo Livre S/A, com quem lançou os álbuns “Samba Esquenta Noise”, em 1994, e “Guentando a Ôia”, em 1996.



Seu primeiro disco solo, o “Samba pra Burro”, veio em 1998, sucedido pelo “Condom Black”, de 2001, álbuns que conquistaram o público e arrancaram elogios da crítica. Seu disco de 2003, o “Sem Gravidade”, não repercutiu tanto, mas em 2009 lançou um dos melhores discos de sua carreira, “Certa manhã acordei de sonhos Intranaquilos”. “The Moon 1111”, o mais recente trabalho de Otto, já é considerado por muitos como um dos melhores do ano.



Serviço:

Música: Otto – Lançamento do álbum “The Moon 1111”

Local: CAIXA Cultural Curitiba – Rua Conselheiro Laurindo, 280 – Curitiba (PR)

Data: de 19 a 21 de julho de 2013 (sexta-feira a domingo)

Hora: sexta às 20h, sábado às 19h e 21h e domingo às 19h

Ingressos: À venda a partir de 16 de julho (terça) – R$ 20 e R$ 10 (meia – conforme legislação e correntista CAIXA)

Bilheteria: (41) 2118-5111 (de terça a sexta-feira das 12h às 20h, sábado das 16h às 20h e domingo das 16h às 19h)

Classificação etária: Não recomendado para menores de 14 anos

Lotação: 125 lugares (2 para cadeirantes)



Bate- Papo com Otto: “Manguebeat – Presente, Passado e Futuro”

Local: CAIXA Cultural Curitiba – Rua Conselheiro Laurindo, 280 – Curitiba (PR)

Data: 21 de julho de 2013 (domingo), às 17h

Ingressos: Entrada franca. Os ingressos podem ser retirados na bilheteria do teatro, no dia do evento, a partir das 16h

Classificação etária: Não recomendado para menores de 14 anos

Lotação máxima: 125 lugares (2 para cadeirantes)


Hirax: shows em SP e Santos neste final de semana



A lendária banda norte-americana Hirax faz, neste final de semana apresentações em Santos (13/07 – Fenix Club) e São Paulo (14/07 – Hangar 110). Ingressos continuam à venda.





O Hirax, um dos grupos mais respeitados da música pesada mundial, começou novamente a estremecer o Brasil com seu empolgante thrash metal. Neste final de semana, a banda tem duas importantes apresentações: Santos (13/07 – Fenix Club) e São Paulo (14/07 – Hangar 110). Ainda restam ingressos para as duas exibições. Mais informações no serviço abaixo.

Neste momento, Katon W. de Pena (vocais), Lance Harrison (guitarra), Mike Guerrero (guitarra), Steve Harrison (baixo) e Jorge Iacobellis (bateria) estão promovendo o álbum “La Boca de La Bestia (The Mouth of the Beast)”.

Assista trecho da exibição em Taguatinga (DF) em http://youtu.be/UU6b3Gqus54.

Recentemente, Katon W. de Pena enviou recado aos fãs para comparecem aos shows. Confira as mensagens em:
Mensagem São Paulo: https://www.youtube.com/watch?v=7nFA0zKUzEQ
Mensagem Santos: https://www.youtube.com/watch?v=enEHVhjVjDY

O video da música "Broken Neck" está disponível em http://youtu.be/1XCoVpPtmao.

Links relacionados:
http://www.hirax.org
http://theultimatepress.blogspot.com.br

Serviço Santos
Projeto Hard N"Heavy apresenta Hirax na Baixada Santista
Data: 13/07
Local: Fenix Club
End: Av. Presidente Wilson, 143 – José Menino
Hora: 22h
Bandas convidadas: Atomica, Surra e Project 46
Ingressos: R$ 40,00 (1° lote promocional antecipado) | R$ 45,00 (1° lote promocional antecipado) | R$ 50,00 (na porta)
Pontos de venda: Top Shirts (Gonzaga), Sound of Fish (Gonzaga), Oxygym Academia (Campo Grande), Náutica Tattoo  (Praiamar Shopping e Litoral Plaza), Casa Simões (Centro) e Gudstore (São Vicente)
Venda online: https://ticketbrasil.com.br
Imprensa: press@theultimatemusic.com – 13 9161.6267
Informações: 13 8128.6420
Cartaz: http://bit.ly/11R6i2p

Serviço São Paulo
Projeto Hard N"Heavy apresenta Hirax
Data: 14/07
Local: Hangar 110
End: Rua Rodolfo Miranda, 110 – ao lado do Metrô Armênia
Hora: 20h
Bandas convidadas: Atomica e Voodoo Priest
Ingressos: R$ 70,00 (promocional/estudante antecipado) | R$ 80,00 (na porta)
Pontos de venda: Galeria do Rock (Animal Records, loja 255 e Paranoid)
Imprensa: press@theultimatemusic.com – 13 9161.6267
Informações: 13 8128.6420

Rancore lança clipe de “Mulher”







O Rancore acaba de disponibilizar o clipe da música “Mulher” no YouTube http://www.youtube.com/watch?v=PjMj6SdFj78. A canção é do mais recente álbum da banda, “Seiva” (Deck), e mostra um lado mais suave do grupo, diferente do seu rock vigoroso característico. O vídeo foi dirigido por Tiago Pinheiro e traz takes ao vivo registrados por Daniel Ferro.


As imagens foram feitas em diferentes cenários, que combinam com as personalidades de diversas mulheres que participam do vídeo. Há cenas gravadas em São Paulo, na Aldeia da Serra e na praia de Ilhabela. A banda aparece em takes captados em uma apresentação no Hangar 110. A música, assinada pelos 5 integrantes do Rancore, "Tem cada trecho inspirado em uma situação diferente. Pode ser para qualquer mulher que ilumina o caminho, seja ela a mãe, avó, irmã, namorada ou esposa”, como explica o vocalista Teco.



FPA Informa 10











 
Câmara rejeita plebiscito para 2014 e Senado mantém suplência: Após deliberação no colégio de líderes, a Câmara dos Deputados rejeitou levar à votação em plenário um decreto parlamentar que possibilitaria a convocação de um plebiscito sobre reforma política que valesse ainda para a eleição de 2014. Apenas os líderes do PT, PDT e PCdoB apoiaram a proposta apresentada pela presidenta Dilma de convocação imediata de um plebiscito, onde as alterações aprovadas pela população passassem a valer para a próxima eleição. Dos outros partidos, alguns (como PP e boa parte da oposição) rejeitam inclusive a ideia de plebiscito, defendendo que a reforma política deveria ser aprovada pelo Congresso Nacional e depois submetida a um referendo. Enquanto isso, o Senado rejeitou o projeto que acabava com a segunda suplência para senador e que impedia que parentes fossem indicados como suplente. Este tema fazia parte da “agenda positiva” anunciada pelo presidente do Senado, Renan Calheiros, e indica as dificuldades de aprovação de qualquer proposta de reforma política no Congresso Nacional.
Comentário: Com o arrefecimento das manifestações de rua, a boa vontade dos congressistas para com a aprovação de mudanças efetivas no sistema político recuou. O PT e as lideranças do PDT e PCdoB prometem buscar as 170 assinaturas necessárias para colocar em votação no plenário o decreto legislativo que possibilitaria a convocação imediata do plebiscito. Caso sejam bem sucedidos nesta empreitada, o tema deve voltar à pauta do parlamento em breve.

Governo lança programa “Mais médicos” e entidades médicas reagem:O ministro Alexandre Padilha lançou oficialmente ontem o programa “Mais médicos” do governo federal, que contempla a aceleração dos investimentos em Saúde, a contratação de novos médicos para as regiões mais carentes de atendimento e alterações nos currículos das faculdades de medicina, que agora contarão com um estágio de dois anos a mais na formação, onde os estudantes trabalharão no SUS recebendo bolsas de até R$8 mil reais e deixando de pagar as mensalidades (caso estudem em universidades privadas). A resposta das entidades representativas dos médicos tem sido crítica, sob a alegação principal de que o problema na saúde não seria a falta de médicos, mas sim a falta de estrutura para sua atuação.
Comentário: O programa lançado pelo governo federal contempla a maior parte das questões centrais que fragilizam o atendimento da saúde pública no Brasil: ao mesmo tempo em que cria um programa emergencial de contratação de novos médicos (com pagamento de R$10 mil centralizado no Ministério da Saúde), acelera os investimentos em novas instalações e equipamentos (que totalizam quase R$ 14 bilhões nos próximos dois anos) e altera a formação do médico brasileiro no longo prazo, priorizando o atendimento geral e emergencial, aproximando o profissional médico da população. Além disso, espera-se abrir novas vagas de graduação e residência médica, priorizando regiões com poucos médicos. As resistências das entidades médicas já eram esperadas, mas podem ser revertidas ou atenuadas caso o governo consiga demonstrar para a sociedade, ao longo do debate, a enorme amplitude social de suas propostas.
Em dia de COPOM, emprego industrial de maio recua: Os dados divulgados hoje sobre o desempenho do emprego industrial em maio corroboram um cenário de crescimento instável no segundo trimestre, já vislumbrado através de outros dados divulgados anteriormente (como o de produção industrial, que teve redução de 2% no período). O recuo de 0,5% em relação a abril foi o mais intenso desde dezembro de 2009, totalizando um recuo de 0,8% no emprego industrial nos 5 primeiros meses de 2013. Estes dados fizeram a CNI reduzir a previsão de crescimento industrial para 2013, passando de um crescimento esperado de 2,6% para apenas 1%.
Comentário: Os dados do emprego industrial, conjugados à redução no crescimento do comércio varejista, ao IPCA desacelerando e a provável estagnação da produção industrial em junho, corroboram um cenário de elevação de 0,5% nos juros hoje na reunião do COPOM. A depender dos dados dos próximos meses, é possível que o tamanho do ajuste monetário seja menor do que aquele esperado pelo mercado, desde que a inflação não seja muito afetada pela desvalorização cambial.

Folk-rock da banda Caixa Prego toma conta do Paiol




A banda curitibana Caixa Prego é a atração do Teatro do Paiol, às 20h30 desta sexta-feira (12), com o lançamento do clip Rock and Roll River, que reúne composições próprias do grupo e também clássicos do folk e do rock, com obras de Bob Kylan, Rolling Stones, Beatles, Johnny Cash, Chuck Berry, Creedence, The Who, entre outras.

Criada em 2009 por Renato Ximú (voz e violão) e Marcos Gonzatto (voz e baixo) – instrumentistas e compositores com passagens por diversos palcos dentro e fora do Brasil – a Caixa Prego conta ainda com Rogério Assis (voz, bateria e percussão) e Marco Ookla (voz e guitarra). Influenciada pela sonoridade das décadas de 50, 60 e 70, a banda destaca-se pela excelente qualidade das apresentações e pela energia que transmite às plateias.



Serviço:

Show da banda curitibana Caixa Prego, com lançamento do clip Rock and Roll River.

Data e horário: dia 12 de julho de 2013 (sexta-feira), às 20h30.

Local: Teatro do Paiol (Praça Guido Viaro, s/n – Prado Velho).

Ingressos: R$ 10

Classificação: livre

PROGRAMAÇÃO CINEMATECA | 12 a 18 DE JULHO DE 2013





De 12 a 14 de julho
MOSTRA ROBERT BRESSON
Em comemoração ao 14 de Julho, Dia Nacional da França, a Cinemateca exibe dois filmes representativos de um dos maiores e singulares cineastas franceses. Evento em parceria com a Aliança Francesa de Curitiba e Cinemateca da Embaixada da França do Rio de Janeiro.
Filmes com legendas em português.
Ingresso gratuito para todos os filmes da mostra

Dia 12 – 18h:
O DINHEIRO | L’Argent (França, 1982 – 84’ – colorido –  drama policial -35mm). Elenco: Caroline Lang, Christian Patey, Vahina Giocante, Vincent Risterucci.
Por estar com uma falsa nota de 500 francos em mãos, sendo totalmente inocente, Yvon sofre uma série de injustiças que o levarão ao homicídio.
Palma de Ouro de melhor diretor em Cannes, 1983.
Classificação 14 anos

20h:
A GRANDE TESTEMUNHA | Au Hasard Balthazar (França, 1966 – 90’ – p&b – drama - 35mm). Elenco: Anne Wlazemsky, F. Lafarge, P.Klossowski
A vida triste e a morte de Balthazar, um jumento. Desde a sua infância idílica cercado por crianças que o adoravam, até a idade adulta, tiranizado como animal de carga. Sua vida é contada juntamente com a da menina que lhe deu o nome: enquanto ele é maltratado pelo dono, ela será humilhada por um amante sádico. Só vai encontrar um pouco de paz no dia que é empregado por um moleiro, que acredita ser o burro uma reencarnação de um santo. Na realidade é uma crônica cruel e irônica, uma reflexão sobre a natureza humana.
Veneza 1966: Grande Prêmio OCIC. Prêmio do Sindicato da Crítica Francesa em 1967.
Classificação 14 anos

Dia 13 – 18h:
A GRANDE TESTEMUNHA | Au Hasard Balthazar (França, 1966 – 90’ – p&b – drama - 35mm).

20h:
O DINHEIRO | L’Argent (França, 1982 – 84’ – colorido – drama policial - 35mm).

Dia 14 – 18h:
O DINHEIRO | L’Argent (França, 1982 – 84’ – colorido – drama policial - 35mm).

20h:
A GRANDE TESTEMUNHA | Au Hasard Balthazar (França, 1966 – 90’ – p&b – drama - 35mm).



Dia 16 – 19h30
MOSTRA OS DEZ MELHORES PUTZ DOS ÚLTIMOS ANOS
Exibição dos dez melhores filmes do Prêmio Universitário Tresh Zé do Caixão – PUTZ, realizados pelos alunos do Curso de Comunicação da UFPR.
Ingresso gratuito



Dia 17 – 19h30
ARTE, RELIGIÃO E MILITÂNCIA NOS DOCUMENTÁRIOS DE ALUNOS DA UFPR
Exibição de curtas documentários dos alunos do Curso de Comunicação da UFPR.
Ingresso gratuito



Dia18 – 20h
Lançamento dos filmes:
CORAÇÃO MAGOADO (BR/PR, 2013 – 19’ – ficção - 35mm). Direção: Juliana Sanson. Elenco: Janaina Matter, Louri Santos, Rosana Stavis, Rodrigo Ferrarini e Maurício Vogue.
Depois de uma traição, Bruna se fecha com a sua dor. Em sua casa, as plantas deixadas pelo marido dão origem a uma estranha obsessão. Vida ou morte? Começar de novo ou continuar mergulhada em sua mágoa?

ESCONDIDINHO (BR-PR, 2013 – 9’ – ficção - dvd). Direção: Vilma Bieniek Paessen. Elenco: Mariana Zanetti e Santos Chagas.
Escondidinho trata da incomunicabilidade entre um casal, que apesar das diferenças aparentes compartilham dos mesmos inconfessos e reprimidos desejos.

NUANCES DE ANA (BR/PR, 2013 – 16’ – ficção - dvd). Direção: Vilma Bieniek Paessen. Elenco: Flora Chagas, Rafael Cunha

“Nuances de Ana” mostra a condição de uma personagem que, na sua reluta ao lidar com os aspectos contraditórios de sua personalidade, acaba por ir de encontro à integridade que tanto renega. Durante esse processo, ela lida com suas percepções reais e imaginárias, para que, assim, possa dar vazão a uma nova pessoa, capaz de se reconstruir e de se contradizer a todo momento, mas que nem por isso é menos completa.
Classificação 16 anos para todos os filmes
Ingresso gratuito


Cinemateca
Rua Carlos Cavalcanti, 1174, São Francisco
Horário de funcionamento: segunda a sexta-feira, das 9h às 12h e das 14h às 22h30. Sábados e domingos, das 14h30 às 22h30.
Informações: (41) 3321-3252

PROGRAMAÇÃO CINE GUARANI | 12 A 18 DE JULHO DE 2013


De 12 a 18 de julho de 2013 – 16h (de terça a domingo):

ANIMAÇÕES PARA A INFÂNCIA
A animação brasileira vive um momento de grande expansão. E as maiores beneficiadas são as crianças. Por ter uma linguagem extremamente lúdica, a animação é usada para divertir e ensinar. Os filmes deste programa proporcionam às crianças o contato com a cultura de diversas partes do Brasil, revelando seus sotaques e costumes. Muita cor, ação, humor, música, poesia, política e amor fazem parte deste programa, que tem personagens inusitados, como um camaleão faminto, uma águia, um brigadeiro – o docinho! (chamado de negrinho pelos gaúchos) –, uma bruxinha baiana, um veado e uma onça, o vento, uma pequena multidão e um bode (que, com muita determinação, consegue salvar uma árvore de ser cortada). Imperdível!

GILDA E GILBERTO (SP, 2003 – 8’ – animação – cor – dvd).
Direção: Érica Valle

BARTÔ (GO, 2006 – 7’ – animação – cor – dvd).
Direção: Luiz Botosso e Thiago Veiga.

A BRUXINHA LILI (BA, 2008 – 6’ – animação – dvd).
Direção: Leonardo Copello

O VENTO (RJ, 2007 – 4’ – animação – cor – dvd).
Direção: Pedro Pazelli

O POVO ATRÁS DO MURO (MG, 2007 – 7’ – animação  – cor – dvd)
Direção: Marconi Loures

O VEADO E A ONÇA (SP, 2006 – 13’ – animação – cor – dvd)

DOCINHOS (RS, 2002 – 8’ – animação – cor – dvd)

CALANGO! (DF, 2007 – 8’ – animação – cor – dvd)

Classificação livre

Ingresso gratuito



De 12 a 18 de julho de 2013 – 18h e 20h (de terça a domingo):

MOSTRA DE CINEMA JAPONÊS

Exibição de filmes japoneses em parceria com o Consulado Geral do Japão em Curitiba.
Filmes com legendas em português.
Ingresso gratuito para todos os filmes da mostra.

Dia 12 – 18h:
A CRIANÇA QUE BUSCA VOZES DO ABISMO PROFUNDO | Children who chase lost voices |  Hoshi o ou kodomo-Shinkai (Japão, 2011 - 116’ – animação – colorido - dvd). Direção: Makoto Shinkai. Elenco: Hilary Haag, Corey Hartzog, Leraldo Anzaldua
Uma história de amadurecimento, que envolve o amor de uma jovem e uma música misteriosa, vindo de um rádio de cristal que ficou como lembrança de um pai ausente, a qual leva esta jovem heroína à um mundo profundamente oculto. Asuna é uma menina solitária, que tem o hábito de passar seus dias escutando uma música misteriosa, em um rádio especial que ganhou de seu pai. Certo dia, ela conhece um rapaz chamado Shun e parte numa viagem de aventuras para entender as belezas e crueldades do mundo.
Classificação 12 anos

20h:
FROM ME TO YOU |  Kumazawa  (Japão, 2010 – 128’ – drama – colorido - dvd). Direção:Naoto Kumazawa. Elenco: Mikako Tabe, Haruma Miura, Misako Renbutsu,
Com seu longo cabelo preto e aparência triste, de Sawako Kuronuma, seus colegas fazem com que eles fiquem tão longe dela quanto eles podem e apelidaram-na de "Sadako" (um personagem do filme de terror "Ring"). A vida de Sawako começa a mudar, no entanto, quando ela começou o Colegial e acabou na mesma classe como Shota Kazehaya, um estudante amigável, idolatrado por todos. “From Me To You”, também conhecido como Kimi ni Todoke, baseia-se imensamente no popular mangá shojo de Karuho Shiina (meninas quadrinhos) ...
Classificação 12 anos

Dia 13 – 18h:
AFTER THE FLOWER | Toei (Japão – 2009 – 107’ – drama – colorido - dvd).
Diretor: Kenji Nakanishi. Elenco: Keiko Kitagawa, Masahiro Komoto, Shuntaro Miyao.
Hana no Ato é baseado em um conto do falecido Shuhei Fujisawa (O Crespúsculo do Samurai, Amor e Honra, etc.) O filme é estrelado por Keiko Kitagawa como Ito, membro de um pequeno clã na região Tohoku. Um dia ela conhece um jovem espadachim de uma casta inferior socialmente chamado Magoshiro e desafia-o para um duelo amigável com espadas de bambu. A partida emocionante produz sentimentos entre os dois, mas Ito já está prometida em casamento a outro homem e decide colocar Magoshiro fora de sua mente e aguarda seu noivo para retornar de seus estudos em Edo. No entanto, quando Magoshiro é forçado a cometer seppuku devido a um nobre covarde, Ito decide tomar para si a busca de justiça.
Classificação 12 anos

20h:
SHODO GIRLS | Inomata (Japão, 2010 – 120’ – drama - colorido - dvd). Direção: Ryuichi Inomata.
Este filme é baseado na história por trás do Shodo Desempenho Koshien, uma competição de desempenho caligráfico, na prefeitura de Ehime, Situado em Shikokuchuo, uma cidade famosa por seu papel caligráfico, Shodo Meninas, conta a história de três meninas do ensino médio que reviveram na cidade, depressivas agressões por organizarem uma competição de performance caligráfica.
Classificação 14 anos

Dia 14 – 18h:
SWING GIRLS | Toho (Japão, 2004 – 105’ – comédia – colorido – dvd). Diretor / Roteiro: Shinobu Yaguchi. Elenco: Juri Ueno, Shiori Kanjiya, Yuika Motokariya, Yukari Toyoshima
Férias de verão, em um certo colégio da região nordeste do Japão, 13 alunas estão tendo aulas de reforço de matemática. Para fugir das aulas, elas decidem entregar o almoço da banda da escola, porém os integrantes da banda passam mal após ingerir o almoço, o que acaba levando as meninas a entrarem no grupo, para ficarem longe das aulas de reforço. O único integrante da banda que não foi atingido pela comida estragada, resolve montar junto com as meninas, uma Big Band de Jazz...
Classificação 12 anos

20h:
THE CHEF OF SOUTH POLAR | Tokyo Teatro (Japão, 2009 – 125’ – drama/comédia - colorido - dvd). Diretor / Roteiro: Shuichi Okita. Elenco: Masato Sakai, Katsuhisa Namase, Kitaro, Kengo Koura
Baseado em fatos reais, o filme conta a história de 8 homens que, por um ano e meio, vivem juntos na estação de Fuji Dome, no Pólo Sul. A mais de 14 mil quilômetros do Japão, onde a temperatura média é de menos 57C, o cozinheiro encarregado de fazer a alimentação para os integrantes da estação tem que improvisar para criar os pratos de cada dia, em um local onde não é possível conseguir novos ingredientes. Para piorar a vida, em circunstâncias tão extremas, faz com que o cansaço e o estresse de todos cheguem ao pico.
Classificação 14 anos

Dia 16 – 18h:
AFTER THE FLOWER | Toei (Japão – 2009 – 107’ – drama – colorido - dvd).
Diretor: Kenji Nakanishi. Elenco: Keiko Kitagawa, Masahiro Komoto, Shuntaro Miyao.

20h:
FROM ME TO YOU |  Kumazawa / (Japão, 2010 – 128’ – drama – colorido - dvd). Direção:Naoto Kumazawa. Elenco:  Mikako Tabe, Haruma Miura, Misako Renbutsu,


Dia 17 – 18h:
A CRIANÇA QUE BUSCA VOZES DO ABISMO PROFUNDO | Children who chase lost voices |  Hoshi o ou kodomo-Shinkai (Japão, 2011 - 116’ – animação – colorido - dvd). Direção: Makoto Shinkai. Elenco: Hilary Haag, Corey Hartzog, Leraldo Anzaldua

20h:
THE CHEF OF SOUTH POLAR | Tokyo Teatro (Japão, 2009 – 125’ – drama/comédia - colorido - dvd). Diretor / Roteiro: Shuichi Okita. Elenco: Masato Sakai, Katsuhisa Namase, Kitaro, Kengo Koura

Dia 18 – 18h:
SWING GIRLS | Toho (Japão, 2004 – 105’ – comédia – colorido – dvd). Diretor / Roteiro: Shinobu Yaguchi. Elenco: Juri Ueno, Shiori Kanjiya, Yuika Motokariya, Yukari Toyoshima

20h:
SHODO GIRLS | Inomata (Japão, 2010 – 120’ – drama - colorido - dvd). Direção: Ryuichi Inomata





Portão Cultural
Cine Guarani
Av. República Argentina, 3430 - Portão
Funcionamento: de terça a domingo, sessões normalmente às 16h, 18h e 20h
O acesso ao Cine Guarani a partir das 19h é pela portaria do estacionamento
Fone: 3345-4051

PROGRAMAÇÃO JAMES - AGOSTO/2013



DESTAQUES

QUINTA 15.ago: 22h
JAMES SESSIONS recebe AUDAC
Lançamento do álbum da banda curitibana Audac, com disco produzido por Gordon Raphael (“Is This It”/Strokes).
R$ 15 (VÁ DE BIKE E PAGUE MEIA).


QUINTA 22.ago: 22h
AVALANCHE TROPICAL
Duo curitibano Drunk Disco recebe convidados em festa de ritmos tropicais. DJs residentes Alemão UC e Sérgio Takahata e convidados Vini (SP), Sants (SP), Dago (SP) e Gabriel Talamini (SC).
R$ 15 (VÁ DE BIKE E PAGUE MEIA).


FESTAS ESPECIAIS

QUINTA 01.ago: 22h
TIED TO THE 90s convida NOITE TRABALHO SUJO
A boa música dos anos 90 com ênfase no rock alternativo e bandas que fizeram história. DJs residentes Marcell Boareto e Sol Lingnau. Convidado Alexandre Matias.
R$ 12.


QUINTA 08.ago: 22h
LA PHONIC
Banda curitibana Colorphonic conta com a temática Lucha Libre, brincando com a "rivalidade" entre as equipes de DJs Tristano Peluqueria, Benny and The Jets, a banda Audac e a própria Colorphonic.. Decoração com máscaras de cada equipe e presença do El Grand Bigódón distribuindo shots de tequila.
R$ 12.



SEXTA 09.ago: 22h
ALTA FIDELIDADE recebe DRUNK DISCO
Balada semanal recebe duo que mistura indie rock e hits nacionais em divertidos mashups. DJs residentes Ale Dantas e Claudinha Bukowski. Convidados Alemão UC e Sérgio Takahata (Drunk Disco).
R$ 20.



SEXTA 23.ago: 22h
IN NEW MUSIC WE TRUST
Noite dedicada às novidades das pistas mundiais. DJ residente Denis Pedroso. Convidados Mixdude (SC), Lais Pattak (SP) e Matias Matt.
R$ 20.



QUINTA 29.ago: 22h
CAMBALACHO
Hip-hop, grooves brasileiros, breaks, funk, soul e rock’n’roll. DJs residentes Anaum e Jeff Bass.
R$ 15.



TODA SEMANA
Quartas-feiras: 22h
QUARTA ROCK
O rock novo e o clássico.
DJs residentes Ale Dantas, Claudinha Bukowski, Pablo Busetti e convidados.
R$ 12.


Sextas-feiras: 22h
ALTA FIDELIDADE
Indie rock, eletro, indie dance e nu-disco.
DJs residentes Ale Dantas, Claudinha Bukowski, Anaum e convidados.
R$ 20.


Sábados: 22h
POP LINE

Pop, eletro pop e house music. DJs residentes Ale Dantas, Celso Ferreira, Denis Pedroso e Lu Padilha.
R$ 22.


JAMES
Av. Vicente Machado, 894. Curitiba/PR.(41) 3222-1426. Formas de pagamento: Todos os cartões de débito e crédito Amex, Diners, Master, Visa e Visa Vale Refeição.